Resenha: Despedida de Solteira (Amande) - Mila Wander (Trilogia Despedida de Solteira) #1

5 de dezembro de 2016
Título: Despedida de Solteira
Trilogia Despedida de Solteira - Livro I
Autora: Mila Wander
Editora: Literata
Ano: 2013
Skoob
Nova Edição Publicada pela Editora Qualis - com cenas inéditas: Skoob
Comprar: Amazon | Qualis Editora

Sinopse: "Amande estava com tudo pronto para o seu casamento: buffet completo, salão de festa, garçons, fotógrafos, igreja, iluminação, filmagem, cerimonial, decoração, convites, vestido, maquiagem, depilação... Ela tinha absolutamente tudo sob controle. Ou melhor, quase tudo... Sequer havia cogitado uma despedida de solteira! Guiada pelas suas amigas - e madrinhas -, Amande descobrirá que nem tudo acontece como o planejado.""Caleb é um garoto de programa pronto para mais um trabalho; proporcionar diversão e entretenimento na despedida de solteira de Amande, uma mulher organizada, viciada em limpeza e planejamento. O que Caleb não sabe é que um simples serviço pode mudar a sua vida para sempre..."



Já faz muito tempo que esse livro está parado na minha estante; meu interesse por ele surgiu através do Wattpad. Vi a capa, gostei da sinopse e quando fui ler só tinha uma degustação, o livro havia sido publicado. Comprei a edição antiga direto com a autora, e ela, muito gentil, me enviou os exemplares autografados.

Isso mesmo, os exemplares, porque são três livros. 

O primeiro é narrado pela protagonista Amande (não digitei errado, é Amande mesmo, não Amanda). Já percebi uma originalidade sem igual por parte da autora nas primeiras páginas. Enquanto nos deparamos com mocinhas inseguras, que não tem direção de nada em suas vidas pessoais, Amande se destaca. Bem sucedida, sabe bem o que quer, porém, quando o assunto é relacionamento, percebemos que ela é travada. Sabe aquelas pessoas que planejam tudo? Que são 100% organizadas? Nunca fazem nada de errado? Assim é Amande.

Ela está prestes a se casar. Seu noivo tem praticamente a mesma personalidade. Bem, eu acho, já que o conheci pelos olhos de Amande.

Ele é uma pessoa tão maravilhosa, que fiquei desconfiada. Compreende a personalidade da noiva, dá o espaço que ela precisa, e confia plenamente nela. Claro que confia, já disse e vou repetir: Amande nunca sai da linha.

O relacionamento dela com seu noivo é tão perfeito que chega ser frio. Vocês não iriam acreditar que Amande nunca dormiu com o cara. Não estou falando de sexo, isso eles já fizeram; mas dormir mesmo , dividir a cama, nunca. Ela não gosta.

É, eu fiz essa cara que vocês estão fazendo agora. Entendo a mocinha, também tenho minhas manias chatas, mas poxa, eles iriam se casar!

Amande tem amigas sensacionais, daquelas de sempre, entendem? Uma delas, Jéssica, é completamente o oposto da amiga. E resolveu presenteá-la com uma Despedida de Solteira inesquecível.

Todas as amigas de Amande ficariam hospedadas em um local isolado e requintado. Na verdade, era um verdadeiro paraíso. Até ai tudo bem, acontece que Jéssica resolveu deixar o clima mais... como posso dizer, digno de paraíso mesmo, contratando verdadeiros anjos caídos para servirem suas amigas, de todas as formas que vocês imaginarem.
"Fiz uma pequena oração, algo do tipo "não me deixeis cair em tentação". Contudo, estava quase certa de que aquilo não funcionaria. Quase." - página 116
Os meninos, lindos e sexys, faziam parte de uma agência. Sendo mais direta, eram garotos de programa. Dentre eles, estava Caleb.



Imaginem um deus grego. Era Caleb. Ele se ocupou de servir Amande durante sua estadia. Ela, arredia, deixou bem claro que não rolaria nada entre eles. Afinal, iria se casar, amava seu noivo, não queria nenhum tipo de contato físico justamente com um garoto de programa. Ou queria?

Caleb era tudo de errado. Um homem que era pago para dar prazer. Em pouco tempo, praticamente horas, conseguimos constatar que ele libertava um lado diferente e completamente desconhecido de Amande. Será que fazia parte do pacote? Por que Amande tinha tanta vontade de ser surpreendida por ele? 

Comecei a leitura achando que me depararia com um erótico sem pudor. Não estou falando isso desdenhando. O gênero me traz desconforto, porém consigo me divertir na maioria das vezes. Mas, não foi apenas erotismo que encontrei no enredo. Temos uma história de amor improvável. 

Sou preconceituosa com alguns aspectos, assim sendo, Caleb seria o último protagonista que torceria para ter um final feliz com facilidade. O mistério por trás de sua personalidade, a curiosidade em querer saber mais sobre ele, abriram minha mente e me fez pensar: "poxa, como sou hipócrita. Só porque o menino resolveu ganhar dinheiro fácil não significa que ele é uma má pessoa."
"Ok. Caleb era lindo. Mas, veja só, isso é apenas um detalhe! Ele também era educado, consciente, charmoso, inteligente, sexy, cheiroso... De tudo! Isso eu já sabia! Só não sabia que ele era engraçado, sensível, carinhoso, prudente, organizado e tinha um extremo bom gosto para decoração." - página 116
Caleb não é só diversão. Ele é um homem que provocou um desconforto tão grande em Amande, que fez com que ela acordasse. E ainda é um personagem tão maravilhoso, que dá até vontade de ter um em casa.

Imagem relacionada

Perceber o desconforto de Amande foi engraçado e compreensível. A personagem é tão incrível que não me deixou com raiva mesmo em seus momentos de ataque de pelanca. Acho que é fácil para qualquer mulher madura se colocar em seu lugar.

Gostei muito da construção de ambos os personagens e o enredo em si me agradou muito. Achei que só iria passar o tempo mesmo, mas não. 

Eu sabia exatamente o que iria acontecer no final, porém não deixei de ficar apreensiva em muitas partes, e isso mostra o quanto a autora consegue prender o leitor. 

O que faltou, a meu ver, foi uma melhor construção dos personagens secundários, principalmente de Jéssica; que acaba sendo uma chave em todo o enredo. Achei sem sentido muitos diálogos, sem contar que o drama envolvendo tal personagem foi um pouco forçado. Não consegui ver verdade ali. 

O desfecho foi bom, mas faltou algo. Talvez tenha sido rápido demais, o que poderá ser compensado nos outros livros (espero). 

Pela primeira vez em um livro erótico não me senti incomodada com o erotismo em si.

Recomendo a leitura para os acima de 18 anos que gostam do universo erótico e romântico.

Assim como Amande, estou muito curiosa para saber mais a respeito de Caleb. Por isso, já engatei a leitura do segundo livro. Em breve resenha!!

Nota: 4

Resultado de imagem para separador de posts para site
A nova edição:
  Eu li a primeira edição, caso vocês procurem para comprar, não irão encontrar essa capa que dispus na sinopse. Neste ano, a editora Qualis publicou o livro e ele ganhou uma nova cara, muito bonita por sinal. Ahh, também tem cenas inéditas.


Resultado de imagem para separador de posts para site
A Autora
 Mila Wander nasceu em Recife, onde mora atualmente com seu marido. Formada em Pedagogia pela UFPE, é professora do Ensino Fundamental. Apaixonada por literatura, começou a escrever por hobby. Empolgou-se com o ofício após a publicação de seu primeiro livro, Meu Conselheiro de Luz, em 2012, e, principalmente, por causa do sucesso proporcionado pelas ferramentas virtuais de autopublicação. Em 2014, seu romance erótico, O Safado do 105, lançado pela Editora Planeta, conquistou mais de 4 milhões de leituras na plataforma digital Wattpad, um feito para uma autora nacional. Além desses dois livros, ela também é autora de Dominados, publicado pela editora Qualis, e da famosa trilogia Despedida de Solteira, que é um dos maiores best-sellers da Amazon.
Resultado de imagem para separador de posts para site
Beijos amores, não esqueçam de deixar o comentário.













Post por: Bia Gonçalves
Sua maior paixão são os livros que lhe fazem viajar. Odeia mesmices, por isso adora se aventurar nas páginas de uma boa fantasia e se prender a um terror daqueles de parar o coração.
4 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

4 comentários:

  1. Olá!
    Eu gostei bastante desse livro também. Acredita que quando eu li achei que era livro único? Hahha.
    O livro "te surpreendeu", então? Hahah.
    Já leu O Safado do 105?
    Parabéns pela resenha!! <3

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi Mônica! Eu também achei que era apenas um, e quase desisti da leitura qdo vi que se tratava de uma trilogia. Por sorte, não desisti.
      Sim!!! Já li o "Safado" e gostei muito mais dele do que de "Despedida" rsrs. Achei o enredo mais envolvente.
      Obrigada ♥
      Beijos

      Eliminar
  2. Oi, Bia!
    Eu até tentei ler um livro da Mila, mas larguei. Na verdade, foram dois que tentei e larguei. Não conseguiram me conquistar.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção seis anos de Caverna Literária
    Promoção Natal Literário
    Participe do Sorteio de Fim de Ano

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi Lu!! Eu achei que não iria gostar desse, mas adorei. Acho que romance erótico, no meu caso, vai de momento. Preciso necessitar de um romance pra ficar envolvida.
      Beeijos

      Eliminar

 
© Lua literária - Agosto/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo