Em Foco: O Bairro da Cripta: As Elegias - M R Terci (com sorteio)

11 de abril de 2017
Publicado em 2014 pela Editora LP Books, O Bairro da Cripta - As Elegias é o primeiro tomo da série O Bairro da Cripta.

A obra reúne contos de horror ambientados na cidade de Tebraria, especificamente no Bairro da Cripta.

Tragam os crucifixos e a água benta, vamos ouvir relatos de quem já visitou o local.


As Elegias é o primeiro volume da série O Bairro da Cripta e reúne 24 contos de gênero horror ambientados no século XIX e primeira metade do século XX, contextualizados na cidade fictícia de Tebraria, no interior paulista. Cada conto é narrado em primeira ou terceira pessoa, e achei admirável o cuidado do autor em preservar a linguagem da época (especialmente quando o narrador era o próprio personagem). - Francine Porfírio, My Queen Side.

Neste lugar estranho chamado Tebraria, com fatos obscuros, encontramos fantasmas, personagens amaldiçoados, um jardim alimentado por suicidas, vultos abomináveis e até uma casa de prazeres extasiante. - Kênia, Histórias existem para serem contadas.

Diferente de alguns livros de contos – em que as estórias são bem distintas –, esse primeiro tomo se destaca pela ligação entre os contos. O Bairro da Cripta, localizado na cidade de Tebraria, é o lugar que abriga os estranhos acontecimentos. Criar um local específico para o decorrer de todos os casos é, a meu modo de ver, o maior acerto do livro. Independente dos tipos de personagens, que variam bastante entre os contos, é possível sempre acreditar em um bom desenvolvimento devido à segurança que o mal afamado bairro oferece ao leitor. Tebraria e o Bairro da Cripta são cenários bem construídos, muito bem pensados e excelentes para contos de horror e terror. Arrisco dizer que se não fosse por esse cenário o livro teria um ritmo completamente diferente. A sensação é de que tanto a cidade quanto o bairro possuem vida própria, influenciando em tudo e criando uma linha maravilhosa entre os contos.Sr. Machado.

A narrativa é exuberante, uma verdadeira aula poética do potencial que a língua portuguesa pode alcançar, sem ser truncada ou arrastada, cada conto é uma construção orgástica que excita as "papilas gustativas" do leitor a níveis profundos e prazerosos. Se Marcos Terci tivesse nascido na época em que se passam suas histórias provavelmente estaríamos estudando sobre seu estilo nas escolas nos dias de hoje.Biblioteca do Terror.

Foi o primeiro livro que li do autor e a primeira característica a chamar minha atenção foi a escrita. É um livro que além de trazer um enredo instigante, com estórias assustadoras; ainda é demasiadamente rico na linguagem e coerência. 



A opinião dos leitores:

O leitor atento reconhecerá em Tebraria ecos da obra de H.P. Lovecraft, onde cidadezinhas fictícias localizadas no interior da Nova Inglaterra, formavam a chamada Terra Lovecraftiana - Arkham, Kingsport, Innsmouth e Dunwich, lugares fantasmagóricos infestados pelas forças dos Mitos ancestrais. Aqui os horrores podem ser outros, não cósmicos, mas terrenos, contudo não são menos assombrosos. Não por acaso, a dedicatória do livro alude diretamente a Lovecraft ("o maior escritor de ficção científica e horror de todos os tempos"), sem dúvida, o bom Cavalheiro de Providence serviu de inspiração para vários desses contos. - Mundo Tentacular - dezembro de 2014.

O Bairro da Cripta é uma obra corajosa e autêntica, uma pérola negra dentro da literatura de horror nacional; Marcos R. Terci conseguiu transportar todo o clima gótico vitoriano que assombra os castelos europeus para o interior de São Paulo, moldando o estilo para que se adequasse a realidade brasileira, com uma narrativa extremamente pessoal e poética. - Biblioteca do Terror, 2015.

Eu preciso esclarecer a vocês que As Elegias não é um livro apenas para os fãs do gênero horror. Posso afirmar de modo resoluto, porque não me considero fã desse gênero. Essa é uma obra para quem aprecia uma narrativa envolvente, centrada na experiência subjetiva dos personagens mediante as possibilidades que o contexto sobrenatural criado pelo autor permite. Essa é uma obra que traz o melhor da narrativa fantástica, em uma linguagem que pode soar rebuscada, mas que vem apenas oferecer maior verossimilhança aos contos. Essa é uma obra que recomendo sem temor, certa de que qualquer leitor poderá apreciá-la se estiver aberto ao desconforto do desconhecido. - My Queen Side, maio de 2015.

Terci tem uma forma original de escrever terror. Um autor tão completo que, após ler apenas uma de suas obras, pude enxergar o que levou autores clássicos a serem imortalizados. Sua linguagem, sua graça na escrita, seu dom de provocar encantamento mesmo trazendo temas que remetem ao medo e até tristeza, me fizeram tornar mais uma fã. E acrescento que sua obra tornou-me uma leitora mais rigorosa. - Lua Literária, janeiro de 2016.

Para os fãs de terror/horror este livro com certeza será um prato cheio. E, para os não fãs, acredito que também será, pois com certeza O Bairro da Cripta foge da mesmice. - A Culpa é dos Leitores, fevereiro de 2016.

Acredito que mais importante do que comentar sobre todos os contos é avaliar a maneira e estilo deles no geral. E foi exatamente isso que me surpreendeu – estilo, maneira, modo. Apesar de contemporâneos, os contos de O Bairro da Cripta são desenvolvidos com forte influência do horror e terror clássico. É possível ver acima de tudo a influência de H.P. Lovecraft. Mas não se engane, apesar da influência clássica, você irá encontrar um livro de caráter único. O clima me agradou bastante, uma mistura de cotidiano com sobrenatural mantendo sempre o equilíbrio. Os contos são curtos e completos, sem nenhum tipo de “gordura”, direto ao ponto. Costumo indicar o meu conto favorito, mas nesse caso não me vejo capaz de fazer isso, tendo em vista que gostei de absolutamente todos. - Sr. Machado, março de 2016.


Curiosidades:

  • A ideia para o livro surgiu após o autor concluir o primeiro volume de Caídos.
  • A tiragem para o livro físico está esgotada no momento.  
  • Recentemente, ganhou canecas personalizadas da Loja virtual Santeria Store.
  • A série contará com um total de cinco livros. No momento, já foram lançados duas sequências.
 
  • O conto Tinha uns olhos da cor da Tempestade é um spin off do personagem Dezidério. O autor contou aos leitores em sua rede social sua intenção em escrever tal spin off para algum personagem e realizou uma votação. Dezidério foi o grande vencedor.
  • As sombras as quais Dezidério conversa são denominadas, dentro da mitologia criada por Terci, Tebras. 
  • Existe uma edição em inglês para o conto Abigail.
  • A obra será relançada com um acréscimo de dois contos, fotos e informações (assim como o terceiro tomo da série);
  • A obra foi eleita pelo vlog Pobreza Nerd como a melhor do gênero no ano de 2015. 

Book-Trailer



Gostaram? Aposto que ficaram loucos para ler.

O autor disponibilizou um exemplar para sorteio, e você poderá ser o(a) sortudo(a) a levá-lo para casa. Basta seguir as regrinhas logo abaixo:
  • Seguir o blog Lua Literária pelo GFC;
  • Deixar um comentário bem elaborado nesse post (caprichem, nada de "eu gostei", nem de palavrões e ofensas);
  • Teremos apenas um vencedor(a);
  • O sorteio será realizado da seguinte forma: cada comentário ganhará um número de acordo com a ordem de publicação do mesmo. Assim sendo, será realizado sorteio através do site Random;
  • Será contabilizado apenas um comentário por participante;
  • O(a) vencedor(a) deverá ter endereço de entrega no Brasil;
  • A promoção começa a valer a partir de hoje (11/04/2017) e se encerra no dia 30/04/2017;
  • O resultado do sorteio vai ao ar no dia 02/05/2017. O(a) vencedor(a) terá o prazo de 48 horas para entrar em contato através do e-mail bloglualiteraria@gmail.com
  • O prazo para envio do livro é de 60 dias a contar da data do envio do endereço por parte do (a) vencedor(a).
  • Será realizado novo sorteio: caso o participante não cumpra com as regras descritas ou não entre em contato.
Muito fácil participar né gente? Boa sorte ♥









Post por: Bia Gonçalves
Sua maior paixão são os livros que lhe fazem viajar. Odeia mesmices, por isso adora se aventurar nas páginas de uma boa fantasia e se prender a um terror daqueles de parar o coração.
18 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

18 comentários:

  1. Oi Bia sua linda, tudo bem?
    Lá vem você me chamando para essas aventuras sombrias, risos....Se é para levar o crucifixo e a água benta, acho que vou me garantir e levar o alho também, quem sabe??? Risos...Adoro histórias com maldição, casas mal assombradas e fantasmas!!! Faz tempo que não leio nada com esses temas. E é difícil encontrar um cenário que está vivo, como se fosse um personagem à parte da história. O que só enriquece e depõe a favor da qualidade da escrita do autor. Adorei o seu post colocando a opinião de vários leitores e trazendo curiosidade. Não vejo a hora de ler. Por isso é claro que irei participar do sorteio!!!
    Seguindo o blog: leitora voraz
    Curti o face:https://www.facebook.com/cila.leitoravoraz

    bejinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  2. Uauuu Bia! Que post super completo, adorei! Amei as canecas tb! Acho que se fosse no ano passado eu diria que terro não faz meu gênero rs, mas hoje depois de conhecer um pouco mais de H.P. Lovecraft,, já fiquei bem interessada!

    BJs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderEliminar
  3. Que post incrível ein! Adorei a premissa do livro e essa capa nos instiga, gostei bastante no geral e com certeza leria, adoro esses temas e fiquei bem interessada também quando li a opinião dos outros leitores. Adorei!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderEliminar
  4. Oi Bia, tudo bem?
    Não é muito o meu tipo de leitura preferida, mas achei a história bem interessante!
    Blog Entrelinhas

    ResponderEliminar
  5. Olá Bia, que livro é esse!!! Para os amantes de terror esse é bem recomendado. ;)

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Olá, tudo bem? Nossa, não conhecia o livro, mas fiquei doida para ler ele! Arrasou na postagem e me deixou super curiosa, parabéns!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderEliminar
  7. Ooi Biaa, tudo bom??
    Normalmente não curto livros de contos por serem muito "soltos" mas fiquei super feliz em saber que nesse livros os contos são interligados e ainda é terror <333
    Ahazou no post e no sorteio \o/ Cheio de curiosidades!
    Beijoos,
    Sétima Onda Literária

    ResponderEliminar
  8. Aii sim, hein? Que resenha maravilhosa! Assim como o livro a sua resenha ficou rica em detalhes, escrita e composição. Isso fez eu ficar muito interessada na obra. Voce pretende ler as continuações? Quero muito participar do sorteio. Já cumpri todas as regrinhas!!! Espero ter sorte!
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderEliminar
  9. "Tragam os crucifixos e a água benta, vamos ouvir relatos de quem já visitou o local." Chega ouvi a porta batendo sozinha aqui HUAHUAHAUHAU
    Combinação mais perfeita o LUA e o MR Terci, Viu? Não vejo a hora de terminar as leituras em andamento pra abrir uma folga na fila. Tenho uma curiosidade enorme sobre o autor, quem sabe dessa vez não tenho sorte, né? haha

    Abração!
    http://lupiliteratus.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar

 
© Lua literária - Agosto/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo