Filme: Batman VS Superman - A Origem da Justiça

26 de março de 2016

Após longos três anos de espera desde que a produção do filme foi confirmada na ComicCon San Diego, enfim tive a oportunidade de assistir um dos melhores filmes de super-herói. Foi a realização de um sonho ver a Trindade em ação, na telona, batalhando lado a lado. Apesar da crítica estar bem dividida, o filme já é um sucesso de bilheteria: melhor estreia do ano, maior bilheteria de estreia, melhor bilheteria de estreia de um filme de super-herói da história, e posso afirmar que teremos mais recordes por aí.

Day versus night

O plot do filme é conhecido por todos, o embate entre os dois maiores heróis da história e um confronto de ideologias. Após o duelo com Zod (Homem de Aço), o mundo esta com um pé atrás em relação ao poderoso Superman (Henry Cavil) e entre as pessoas que pensam no Homem de Aço como uma ameaça está Bruce Wayne (Ben Affleck).
Outro grande personagem do filme é Lex Luthor (Jesse Eisenberg). Jesse dá um ar caricato e meio maluco ao dono da LexCorp. E eu adorei isso! 
Diana Prince (Gal Gadot), mais conhecida como Mulher-Maravilha também esta incrível. A amazona não tem muito tempo de tela, mas no momento derradeiro a girlpower surge para salvar a noite. Fiquei com pena de quem criticou a escolha de Gal Gadot para o papel (risos).
Tell me, do you bleed?
You will

Batman Vs Superman - A Origem da Justiça não é somente sobre o embate dos dois heróis, como o subtitulo do filme diz, é o nascimento de algo muito maior, principalmente para os fãs de quadrinhos e dos heróis da DC. É o surgimento do universo cinematográfico.
 O tom do filme é bem sombrio, provavelmente é o primeiro de seu gênero com tamanho apelo. O roteiro é bem amarrado. Nenhum personagem esta ali sem ter um papel na trama. Só tenho a lamentar a grande exposição dos trailers. Podiam ter guardado algumas cenas para aumentar a experiencia nos cinemas.


Enfim, o filme esta incrível! Com certeza entrou para o meu Top 5. Espero ver muitos e muitos filmes da DC nos cinemas e tomara que eles não mudem o tom das próximas produções para agradar ao público desacostumado com o novo.


Post por: Paulo Bragança
Tem 20 e alguns anos e mora em algum lugar no interior de Minas Gerais, autor do livro Lexus – O Despertar da Escuridão e alguns contos espalhados por aí; É cavaleiro jedi, bruxo, semideus, tributo, Stark de Winterfell e mais!
2 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

2 comentários:

  1. ainda nao vi o filme, mas tb estou c grandes expectativas, eu nunca fui muito fã da dc, mas esse filme parece ser sensacional!
    essas divisoes de opinioes so me fazem querer tirar a minha propria conclusao!
    lotusimaginaria.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Oi Paulo,

    Agora que eu vi posso comentar. também achei o filme sombrio e o começo é parado, mas sem ele não dá pra pegar o resto, então era necessário. Amei ele todo, o final me fez chorar, mas a formação da liga... Vai ser um universo expandido incrível como o do Marvel!! <3

    Bjs, @dnisin
    www.sejacult.com.br

    ResponderEliminar

 
© Lua literária - Agosto/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo